Não é mais segredo que o mundo está em um processo de transição a caminho de uma grande transformação digital. O avanço de tecnologias, como Big Data, Inteligência Artificial (IA), computação em nuvem etc. já está alterando as formas de trabalho, de comunicação e de entretenimento. Uma das tecnologias que tem sido envolvida por essas transformação é o assistente virtual inteligente.

A possibilidade de poder controlar dispositivos, fazer buscas e cumprir funções somente com o uso do comando de voz já deixou de ser algo que acontece apenas em filmes do futuro e já existe hoje em nossas mãos.

Agora, você vai entender um pouco mais sobre o assistente virtual inteligente e ver algumas vantagens em apostar nessa tecnologia! Continue acompanhando e confira! Boa leitura!

O que é um assistente virtual inteligente?

Assistente virtual inteligente diz respeito a uma das principais tendências de soluções que tem como objetivo o relacionamento entre empresas e clientes. Essa tecnologia ganha cada vez mais espaço no mercado e é resultado da mudança de comportamento das pessoas e da evolução tecnológica.

Vamos tentar deixar isso mais claro? A ideia é que um assistente virtual inteligente seja um verdadeiro representante digital das corporações que seja capaz de ajudar os consumidores em todas as etapas da jornada de compra.

Como é o funcionamento de um assistente virtual inteligente?

Agora que você já entendeu um pouco melhor sobre o que é o assistente virtual, você deve estar se questionando: certo, mas como ele funciona? Já existe algum sistema tão avançado?

Bom, os assistentes virtuais inteligente usam vários algoritmos, integrações, métodos e técnicas que tornam um software “inteligente”, conhecido também como Inteligência Artificial.

Tratam-se de sistemas que aprendem por meio das interações com o consumidor, melhorando, consequentemente, o seu repertório, e isso facilita a solução de problemas do cliente. Sendo assim, quanto mais ele tem interação com os seres humanos, mais ele consegue aprender e se capacitar.

O assistente virtual inteligente deve ser capaz de compreender as sutilezas dessas interações, aumentar o seu acervo e se tornar cada vez mais inteligente com o passar do tempo. Dessa forma, a resolução dos problemas dos clientes passa a ser bem mais humanizada e facilitada.

Qual a diferença de um assistente virtual inteligente para um chatbot?

Basicamente, a maioria dos chatbots segue um fluxo predeterminado. Quando acontece alguma situação fora desse fluxo, o chatbot não consegue responder. Você pode configurar e programar para determinados comandos, mas a maioria dos chatbots ainda existentes são aqueles nos quais a pessoa tem que falar exatamente aquilo que se espera.

A interação no chatbot é feita com palavras-chave, e não através de intenções ou análise. Quando se tem um assistente virtual, já estamos falando de modelos, algoritmos de aprendizagem de máquina e da inteligência artificial que são bem mais avançados, eles vão aprendendo na medida em que os dados vão chegando.

A diferença primordial está na forma como se cria o chatbot. É possível sim, criar um chatbot e fazer com que ele seja um assistente mais pessoal, no qual a interação vai se dar por meio da escrita. E uma das principais diferenças quando se fala em assistente pessoal é que a interação se dá principalmente pela voz, e não apenas pela escrita.

Quais são os principais assistentes virtuais do mercado?

Confira abaixo os principais assistentes virtuais!

Alexa

Alexa foi inspirada no computador da série Star Trek, e é um assistente mais popular e muito usado fora do país. Apresenta uma versão voltada para mundo corporativo, com ferramentas que ajudam na melhoria de produtividade de uma empresa com ações mecânicas, como abrir e fechar persianas, gerenciamento de videoconferência e agendamentos de reuniões.

Google Assistant

Enquanto a Amazon e a Apple deram nomes praticamente de pessoas para as suas ferramentas, a Google preferiu um nome não tão criativo: Google Assistant. No entanto, essa falta de criatividade não se estende para o app, pois é um dos mais refinados do mercado.

Siri

Siri é muito famosa por suas respostas nada comuns para as perguntas subjetivas, como problemas amorosos e dilemas da vida. Siri é uma assistente virtual que está disponível em todos os dispositivos da Apple.

Cortana

A Microsoft lançou Cortana, o seu assistente virtual que está presente nos computadores que têm o Windows 10. Como acontece com os outros citados aqui, Cortana pode ser integrado a um alto-falante inteligente, o Invoke, contudo, está bem longe da tecnologia e da popularidade de seus concorrentes.

Quais são as vantagens de apostar em um assistente virtual inteligente?

Veja algumas das principais vantagens de apostar nessa tecnologia!

Atendimento personalizado

Um assistente virtual inteligente deve ser capaz de garantir um atendimento extremamente personalizado, devendo, ainda, estar disponível em tempo integral, ou seja, 24 horas por dia, sete dias da semana e todos os dias do ano.

Agilidade no atendimento

A agilidade do atendimento já está praticamente implícita no tópico anterior, mas é importante enfatizar esse ponto, pois ele atende uma das principais necessidades da sociedade nos dias atuais que é não perder tempo.

IA para melhorar a comunicação

A comunicação empresarial atual está totalmente sobrecarregada de canais, conteúdo, soluções e ferramentas, privando as empresas e pessoas de atingirem metas, além de prejudicar o equilíbrio entre vida pessoal e profissional.

A Inteligência Artificial auxilia as empresas no aprimoramento da comunicação externa e interna, permitindo personalização individual para cada funcionário, aplicando o foco e aumentando a produtividade.

Cibersegurança

As empresas já estão cada vez mais começando a utilizar IA para reforçar a segurança cibernética e garantir mais proteção contra os hackers. Determinados apps já estão se tornando mais sofisticados ao passo que a IA é implantada para segurança, automatizando os processos mais complicados para reagir a violações e detectar possíveis ataques.

Enfim, o consumidor vai ter um contato direto com um assistente, pois o comportamento dele vai ser parecido com o de uma pessoa. A experiência do usuário vai ser aprimorada, pois ele vai conversar com um assistente virtual já nos seus primeiros contatos com uma determinada empresa.

Sabe-se que quando um consumidor entra em contato com algum serviço de call center, há um tempo de espera longo. Às vezes, é preciso ir selecionando muitas opções até chegar de fato no setor que se deseja.

Ao emitir a intenção, o assistente virtual já entende no primeiro momento e dispara ações para que possa tentar resolver o problema. Sendo assim, o tempo de espera vai ser reduzido, sendo possível resolver as solicitações de forma muito mais rápida, com isso, a experiência do usuário é aprimorada. Quando se tem um assistente bem planejado, só há ganhos para o cliente.

Às vezes, a comunicação é transparente. Existem alguns assistentes virtuais cuja a interação é tão natural que muitas pessoas acreditam que, de fato, é um ser humano que está falando ou teclando, lembrando que os assistentes podem estar disponíveis tanto através da fala quanto da escrita.

Enfim, é importante mencionar que os grandes players têm investido bastante na interação e construído, inclusive, até hardwares com os assistentes virtuais disponíveis. É o caso da Amazon com a construção da Alexa, ou Google, que tem o Google Home. De fato, o assistente virtual inteligente veio para ficar, porque é uma aposta dos grandes players de tecnologia no mundo.

Gostou de saber mais sobre o assistente virtual inteligente? Sim? Então aproveite para compartilhar o texto nas suas redes sociais, pois assim os seus amigos também podem aprender sobre a tecnologia!

Escreva um comentário

Share This